sexta-feira, 27 de maio de 2011

Nunca trabalhe no escuro...a vítima vai ser você!!!

Trabalho com artesanato há 21 anos. Amo muito o que faço, e tenho imenso prazer nisso. Não lembro de outro trabalho que tenha me custado tanto e que tenha gostado tão pouco não só de fazer, como do resultado final, quanto este conjunto.
Não conheci a mãe que fez a encomenda, não tinha certeza do que exatamente ela queria, trabalhei no escuro....sempre converso com o cliente para saber exatamente o que espera, assim todos ficamos felizes no final.
Vermelho não é a minha cor. Vermelho e preto ainda por cima, na minha opinião, só para joaninhas...no máximo o teria feito se fosse para uma menina, sem preto, com fundo marfim e pequenas florezinhas vermelhas....e olhe lá.....
Mas a encomenda foi essa. Aversão a primeira vista...já tinha odiado o fusca quando o vi cru na loja, achei desproporcional, feio mesmo...massssssssssss....por essas ironias da vida acabei tendo que pintar...poderia ter dito "não"...
O final dessa história terrível???? A mãezinha achou que estava rosa e não tão vermelho quanto ela gostaria, achou que era feminino demais. Mau gosto não se discute. Se fosse no meu ateliê, em primeiro lugar não teria aceito a encomenda, se tivesse, e ela me dissesse isso, eu devolveria o dinheiro e desejaria "bom dia". Não era o caso, então saí andando para não ser desagradável.... Uma funcionária da loja o levou para casa e "avermelhou" tudo de vez (se soubesse que era só vermelhão, ah meu Deus, como teria sido menos terrível fazer isso....mais rápido pelo menos...) e final feliz prá "mãe despacho-vermelho-e-preto", afffffffffffffffffffffffffff, pobre bebê....
Quando a gente chega numa certa idade aprende algumas coisas:
Definitivamente, vou aprender a ouvir sempre minha intuição.
Não mais ter pena de dizer "NÃO".
E definitivamente, não farei de novo algo que eu abomine.
Não há dinheiro nesse mundo que pague o quanto me custou fazer este conjunto.

Aqui ainda estava sem os botões nas rodinhas. O acabamento consistia em um "buraco" cheio de farpinhas....


Aqui já com os botões...


O "belo" interior...depois da "reforma", ele ficou assim por fora também....afffffffff

Minha pintura sempre leva bolinhas, listras, xadrez....como não tinha certeza do que exatamente a cliente queria, optei por suavizar um pouco a peça com um fundo marfim.


A frente, obviamente....

Bem, os potinhos eu gostei de fazer....pelo menos isso...

O "porta fraldas"....depois da "reforma" também ficou todo vermelho por dentro e por fora, afffffffffff.....



E, finalmente por último, o abajur, que a cliente mandou pintar por dentro.....espero que com o aquecimento da tinta, não intoxique o bebê....


Devo lembrar que os sapatinhos que mais vendo são vermelhos, assim como vendo bem os pretinhos (na Europa é muito comum usar roupinhas pretas e de cores escuras para bebês, geralmente junto com alguma cor mais clara para suavizar...) que adoro, acho mesmo lindinhos, mas estas peças especialmente, acho que totalmente vermelhas com acabamento em preto não ficaram bonitas, além de como já havia dito antes, ter considerado o modelo do carrinho feio ainda que cru.
Esta é minha opinião pessoal. Tenho um estilo de trabalho, e nos meus 21 anos jamais tinha visto alguém que desejasse algo tão pesado para um quartinho de bebê.
Respeito a opinião de quem por ventura discordar, apenas me reservo no direito de jamais fazer novamente algo que julgue de mau gosto.
Se fosse prá acordar pela manhã e ficar infeliz por ter que trabalhar, teria pelo resto dos meus dias um emprego que me aborrecesse, em vez de ter optado viver do meu ofício.

Cinco mil anos depois....

Fim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Grata por comentar!!!!!!
=D